Mais de 90% de pais e estudantes estão satisfeitos com a rede estadual de educação 13/04/2024 - 19:23

A qualidade da educação da rede estadual do Paraná, considerada a melhor do País em indicador do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), é reconhecida por pais e estudantes. De acordo uma pesquisa, realizada pelo Instituto Paraná Pesquisas a pedido da Secretaria de Estado da Educação, 96,7% dos estudantes do ensino fundamental e 93,2% dos do ensino médio estão satisfeitos com a qualidade da educação ofertada. Entre os pais, a aprovação é de 94%.

 

Além desse quadro, a satisfação de pais e alunos com professores, diretores, comunidade, segurança, limpeza e infraestrutura é considerada ótima. A boa avaliação com professores vai de 95,5% entre alunos do ensino médio a 96,4% entre os pais. Entre os professores, a autoavaliação indica satisfação de 90,1%.

 

A satisfação com diretores, responsáveis pela implementação das orientações pedagógicas, também é bem alta: 96,5% entre alunos do fundamental, 91,3% entre estudantes do médio, 94% entre pais e responsáveis e 92,7% entre professores.

 

A infraestrutura da escola paranaense é outro ponto positivo, sendo bem avaliada por 91,4% dos alunos do fundamental, 89,4% do médio e 91,4% dos pais ou responsáveis. A limpeza também aparece bem, com 96,5% de aprovação no ensino fundamental, 95,6% no médio e 92,9% entre pais e responsáveis.

 

A segurança é bem avaliada por 87,4% dos alunos do ensino fundamental, 88,1% do médio, 87,7% entre pais e responsáveis (que também aprovam a presença de policiais nas escolas com 96,7%) e 76,7% entre professores.

 

Segundo o secretário de Educação do Paraná, Roni Miranda, os números ajudam a guiar as políticas da pasta e são um reflexo da prioridade da gestão pela educação, com investimentos recordes, novos programas e expansão do atendimento a demandas da sociedade, como os colégios em tempo integral e os colégios cívico-militares. "Estamos sempre buscando oferecer a melhor educação possível para nossos meninos e meninas e esses resultados nos motivam a continuar nesse caminho", afirmou.

 

"Estamos investindo na infraestrutura das escolas, com obras e equipamentos, na formação continuada dos professores, em programas de intercâmbio e na valorização dos profissionais da educação, inclusive com novas leis para garantir bônus financeiro para escolas com alto desempenho, para que todos os alunos do Paraná tenham acesso a uma educação de qualidade", complementou.

 

Ele também disse que a pesquisa é importante para o monitoramento das novas metodologias aplicadas à rede, como educação financeira, robótica, aulas de programação, expansão de ensino de inglês e implementação de didáticas que agilizam processos de matrícula, registro de classe e controle de evasão, tornando as 2,2 mil escolas mais conectadas à era digital.

 

A pesquisa foi feita por entrevistas telefônicas, não robotizadas, com 1.515 pais ou responsáveis, 1.511 estudantes do ensino médio, 1.546 estudantes do ensino fundamental, 1.530 professores e 290 diretores. O grau de confiança é de 95%.